quarta-feira, 30 de junho de 2010

Já que estamos numa onda de Filipa Vá Com Deus...

 Lasanha à bolonhesa (caseira!... já sei, a do LIDL também é muito boa!)

...aqui fica o almoço de hoje, que por sua vez foi o jantar de ontem e do qual já não resta nada... a não ser a memória da minha primeira tentativa de fazer molho bechamel, que afinal não nasce nos pacotes e pode ser feito sem grandes problemas e em pouco tempo!!

Agora é que é...

...pelo lado positivo, já não temos as vuvuzelas (lá para o fim de ano voltamos a falar) e a mãe Fatinha tem um novo guarda-redes para admirar!! Aliás, confidenciou-me há poucos dias que tinha achado o Eduardo* uma "bonita figura" e ontem depois do jogo, como qualquer mulher com os dois cromossomas Xs no lugar, estava toda derretida porque o menino tinha chorado... Quim, acho que passaste à história!


Pronto... vá... agora é que é... trabalho, trabalho, trabalho!!!

* o puto foi grande!!

vou já, já... só mais este bocadinho...

...mas a verdade é que achei o árbitro fraquinho, fraquinho... a menos que alguém perdesse um membro pelo caminho não havia nada... mas depois: "aí que acertaste no menino com o cotovelo... toma lá o vermelho, para não ficares a rir"!! Não deu para perceber muito bem o critério...


Agora sim... trabalhar!!

Pois é...

...parece que perdemos... Mas houve ali um momento em que jogamos benzinho... e verdade seja dita, tivemos boas oportunidades de marcar... mas não deu! Temos pena!...


...mais pena tenho, de nos próximos dias ter de ouvir todas as análises futebolísticas da tanga, feitas por tudo quanto é ser pensante com uma pilinha no meio das pernas e tenha jogado o "football management" (ou lá como é que aquilo se chamava*) na ida década de noventa; ver em loop, todas as declarações "polémicas" (uuuuhhhh) dos jogadores (Ronaldo e Deco), como se a resolução da crise mundial dependesse disso!

Vamos mas é trabalhar que já tivemos 4 folguinhas este mês!... Bora lá então...

* tenho que perguntar a papai, que era um grande viciado...

terça-feira, 29 de junho de 2010

Macumba

Há poucas coisas que precise para o meu trabalho que não dependam só de mim. Gosto disso, cada vez mais! Mas há um estafermo de um programa, que teima em não querer nada comigo e o caraças é que sem ele, estou f"#%&! Já tentei de tudo: mudar o sistema operativo do meu computador, ressuscitar PCs (2) relativamente recentes para que o possam correr em exclusividade, fazer o download da trial version... e nada! Nada resulta! Mas o que irrita verdadeiramente, é que só acontece comigo!! Qualquer bicho careta que queira instalar o filho da puta do programa - pelo qual andei a penar um ano, até que finalmente lá apareceu a licença necessária para o ter - consegue, menos eu!!

Photo @ Flickr by sammhasheart

Pessoa que estás neste momento a matar a tua 4ª galinha preta, numa qualquer encruzilhada deste nosso país: podes parar! Já penei o suficiente! E a sério que não vale a pena! Tenho uma vidinha banal e por isso mesmo, muito pouco invejável. Não tenho direito a subsídio de férias nem 13º (se quero tostões extra, tenho mesmo que acumular trabalhos)! Depois, o pouco mais de 1,60m não está harmoniosamente distribuído (tenho as pernas curtas), bem como os quilos que passeio. Dou erros ortográficos e a preguiça é em mim uma condição genética sem remédio possível, com consequências devastadoras. Misericórdia é o que te peço! 
Contudo... reconhecendo em ti grande talento para as artes do oculto, pedia-te um favor: arranja lá maneira de poder instalar a treta do SPSS, para poder passar o próximo ano à volta de números e testes que não vou perceber, que me vão fazer envelhecer, ficar maldisposta, desejar nunca ter começado isto, ponderar fugir para o Burkina Faso, tornar-me agricultora e desistir de ter uma vida social, dada a falta de cuidado com as questões estéticas! Vá lá!! Nada me faria mais feliz!

segunda-feira, 28 de junho de 2010

Não é que eu não soubesse...

...mas hoje, depois de falar com a mãe Fatinha ao telefone, juntei o último dado que precisava, a um recolha com mais de 29 anos e posso finalmente afirmar, que a Nazaré, entre outro fenómenos mais ou menos metereológicos, também se apresenta como sendo/tendo um micro-clima! Enquanto mamãe me explicava que estava um calor que não se podia em Coimbra, eu olhava pela janela, e quase que juro, que para além dos 18º (mais coisa menos coisa... não saí com um termómetro à rua), caiu um pingo de água aqui e ali... se era chuva mesmo, ou o nevoeiro a intensificar-se, pode ser debatido.

Photo @ Flickr by vluiz

Eu cá, não me chateio... assim como assim tenho que trabalhar e é melhor não ser tentada a largar o computador e ir estender-me na areia! Agora, que para quem vive do Verão é péssimo e para quem tem férias nesta altura é igualmente mau, não tenho dúvidas.

Red C - Os Naufrágios

Nesta DeepDiveTrip ao Mar Vermelho, a rota escolhida foi a do Norte, conhecida pela enorme quantidade de naufrágios que podem ser explorados. O impacto de cair na água e em determinado momento, vermos os restos de um gigante de madeira e ferro, é sempre intensa. Talvez pela história que cada naufrágio encerra, talvez pela beleza e novo papel que agora assumem, talvez por percebermos que o mar, é muito maior e mais poderoso do que todos os navios que o homem possa construír.

Chrisoula K

Photo @ Flickr by Markus Wollny

The Chrisoula K was a Greek registered freighter and on its final journey its cargo consisted of Italian floor tiles heading for Jeddah. It sank August 31st 1981 after Captain Kanellis passed over control of his ship following two days of intensive navigation. Shortly after the engines were set at full speed and the Chrisoula K was driven right into the northeast corner of Sha'ab Abu Nuhâs Reef. Thankfully there was no loss of life. 

Carnatic

Photo @ Flickr by donkerdave

The Carnatic is a beautiful 19th Century wreck that lies on Sha'ab Abu Nuhas Reef. Its shallow depth means that it is accessible to all levels of diver and all levels will appreciate it as a great wreck dive. Despite the length of time the Carnatic has been on the seabed (it sank in 1869) it is remarkably intact. The majority of your dive can be done along the outside of the wreck past giant moray eels and other Red Sea reef fish that have made this wreck their home. In the holds you can see the remains of broken bottles and there are shoals of glass fish inhabiting them. Penetration into the holds is easy for any level of diver. To finish the dive you can head back along Sha'ab Abu Nuhas reef where you will be able to find many different types of coral and fish before ascending.
(Fonte e para saber mais)

Giannis D


The Giannis D sank with its cargo of timber in 1983 and lies next to a coral reef. The entire wreck can be seen from either end because of good the visibility. It is broken up in the Center, but the bow and stern remain intact. At the stern on the sea floor there is a point where penetration allows you to travel up towards the top of the wreck to a pocket of trapped air. You will need to leave by the same hole which you entered. At the bow you can see where the boat had been renamed, with the old name just visible under a layer of paint. Expect to see glassfish, scorpionfish, angelfish, bumphead wrasse and a napoleon fish. The dive can be finished by traversing the reef, or by climbing up the mast, which rises up to only four metres below the surface.

Dunraven

 Photo @ Flickr by adrisub

We had heard from a Red Sea dive guide that the Dunraven sank when the Captain went on a drinking binge having found out that his First Mate was sleeping with his wife. He would not tell the First mate how to navigate, so they hit the reef (we have since been told differently by a reader - see below). The wreck now lies in two sections next to each other, both of which are penetrable, but there is not always an entire route through. The large brass propeller lies to the north end of the wreck and the reef to the west. The engine can be found in the northern section of the wreck. The sealife is interesting here and a swim along the reef makes a good end to the dive. Napoleon fish are common, as well as lionfish and flathead scorpion fish. There is a particularly impressive brain coral on the reef as you leave the wreck that is only three metres below the surface.

Thistlegorm

Photo @ Flickr by archers30


The Thistlegorm was discovered in 1956 by Jacques Cousteau and is probably the most famous wreck in the world. It sank in 1941 when it was hit by a German bomb that blew a hole in the port side, igniting tank ammunition that was in the hold. The explosion ripped the roof of the ship backwards, rather like opening a tin of sardines. The stern section of the wreck lies almost horizontal to the sea bed; the remainder of the wreck is nearly upright. Inside the wreckage, tyres, tanks, motorbikes, Bedford trucks, waders and wellington boots can be seen. Penetration is possible around the bridge and blast area. The large prop is still in position and the guns on the stern are in excellent condition. Artillery litters the blast area. A bath tub can be seen towards the bow and a toilet near the stern. The sea life is impressive with possibility of seeing tuna overhead the resident turtle. Expect this to be very busy, especially once the day boats have reached it; it is likely to be chaos both on the surface and under the water.
(Fonte e para saber mais)

Ullyses

Photo @ Flickr by gh0stdot

The Ulysses is another "grandfather" wreck of the Red Sea. Travelling from London to Penang and under the command of Captain Arthur Bremner, she struck the reef on the east side of Small Gubal Island on August 16th 1887. She was carrying a mixed cargo, much of which was manually unloaded by the crew of the HMS Falcon, which came to her assistance. This was done whilst she was stricken on the reef top. Some of her cargo of large drums of cable was not salvaged and now lies on the coral slopes amongst the wreckage. I have often heard this wreck referred to as "The Cable Wreck". After a valiant fight she finally slipped beneath the waves sometime between 20th August and 6th September 1887, sinking 18 years after the Carnatic (which hit the not too distant reef of Abu Nuhâs). Very similar in construction to the Carnatic she was a British sail and steamship, steel hulled and of "iron framed planked" construction. 95 metres in length she had a beam of just over 10 metres making her sleek in design for that time.


Rosalie Moller



The Rosalie Moller sank in the 1940's with a cargo of Welsh coal, which is all that can be seen in the holds except for in the engine room. It was hit by a bomb on the starboard side, leaving some damage. Penetration is possible as the gaps are large, but is not necessary as the interesting parts of the wreck are visible from the outside. The prop and rudder are worth checking out because they are immense. The deck is very clean and in tact except for the funnel which lies on its side. There are ladders leading to the bridge and passageways across the decks. The sea life is fantastic, with thousands of glassfish on and around the deck and the possibility of spotting tuna and other large fish, perhaps even a reef shark.
(Fonte e para saber mais)

Segunda-feira #53

domingo, 27 de junho de 2010

Para o pequeno almoço de amanhã, temos...


...um bolinho fresquinho, fresquinho, feito mesmo agora, para compensar o domingo cinzento em pleno Verão!


A receita não tem nada que saber! Eu segui esta.  

sábado, 26 de junho de 2010

Red C - Maleitas da viagem

Como nem só de sol, mergulho e descanso se faz um live abord, aqui ficam alguns exemplos dos males padecidos pela maior parte das pessoas:

Dores de ouvidos: mergulhador que é mergulhador tem os ouvidos numa miséria


Dores de costas: andei empanada um belo par de dias, vá-se lá saber porquê
Alergias: podem ser ao sol, à água, ao neoprene, à comida, ao raio que o parta, mas aparecem e no meu caso foram as costas o alvo eleito

Topadas: uma na canela, outra no jelho e outra no pé as todas feitas na escada do barco, só naquela de confirmar que o material era de primeira





Esfoladelas: isto de vestir o fato 4 vezes por dia é mais agressivo do que parece

sexta-feira, 25 de junho de 2010

Red C - O "Excelence"

O Excelence era bem simpático, mas acima de tudo, aguentou um dia de mar "que vai lá vai", andava tudo a rolar de um lado para o outro, incluíndo a maltinha que tinha ido lá só para dar uns mergulhos e não precisava do curso intensivo de marinheiro! Ficam aí umas imagens do menino!







Nada como uma jogatana...

...para voltar em grande à realidade!

É claro que estou a torcer por Portugal, até porque isto é de facto, o Mundial da "Boa Esperança"




Vídeo dos Panda Pompoir. Banda de Coimbra, com mais Antropólogos por metro quadrado!!
"qui vençam ambas, brasiu e portugau"

Red C - Hurghada

Nota: ver as fotos com os seguinte efeitos sonoros e olfativos: buzinas de automóveis de forma constante mas em cadência aleatória; cheiro a camião de lixo que será acentuado pelo calor de 42º.








Então vamos lá a isto


 Ainda não estou refeita, mas estou cheia de vontade de deixar as fotos desta semaninha, por isso vamos fazer assim: primeiro vêem as fotos de Hurghada, depois as do Excelence e por fim a estreia da Guilhim "fotógrafa" sub-aquática. Para além do tag "turístico, há ainda o da "medicina do viajante" que tem a sua piada! Quando houver mais cabeça, vem o resto!

quinta-feira, 24 de junho de 2010

Uma pessoa...

vai de férias uma semana e quando volta descobre que o Saramago morreu e que a selecção ganhou 7-0 à Coreia...

Vou só pôr-me a par das novidades, dormir um bocadinho e ver se o "barco deixa de abanar" e volto já!

sexta-feira, 18 de junho de 2010

Se eu estivesse por Portugal...

...não perdia hoje o fantástico concerto inaugural, daquela que vai ser a banda do Verão: aKustiK! E digo isto sem qualquer tipo de parcialidade! Só grandes músicos com convidados fantásticos!


Coordenadas:
Nazaré, Barziuu, 23h30

Tenho cá para mim...

...que hoje é dia de 5D Mark II

Enjoy a nova princesa!!

(sorry... private)

quinta-feira, 17 de junho de 2010

Isto é uma mensagem automática

A verdade, é que estou a caminho das férias! A verdade, é que as férias, à semelhança do que aconteceu em 2008, vão ser passadas a bordo de um barquinho catita (por sinal, será num dos barquinhos que estão na imagem).


A verdade, é que vou com a companha do costume para o Mar Vermelho*. A verdade, é que o Mar Vermelho tem spots de mergulho para lá de incríveis. 

 Photo @ Flickr by Zé Eduardo...

A verdade, é que podia dizer que não queria estar a meter nojo, mas até quero! A verdade é que em menos de nada (uma semanita, vá) estou de volta!

* Perto dos piratas da Somália e dos ataques a barcos com ajuda humanitária. Umas férias radicais, portanto!

quarta-feira, 16 de junho de 2010

O que eu gosto desta miúda

Linda, linda, linda! E com uma voz de anjo!



Gosto e gosto

Da crise

E não estou a falar da económica, estou a falar da que se vive nas salas de cinema deste nosso país! De entre todos os filmes da treta, resolvemos ir ver o Robin dos Bosques! Era mesmo o menos mau de todos!

Photo @ imdb

Conclusão: desde 1991, que já vi pelo menos 282 vezes! Nada de novo! Nada mesmo! Estão lá os clichés todos! Só fiquei ligeiramente espantada, quando o Russel-Robin, diz um "MMMMMAAAAARRRRRIIIIIOOOOONNNNNN" da mesma forma que o Rocky disse o "AAAAADDDDDRRRRRRIIIIIIIAAAAAAANNNNN" em 1976. Fora isso e incluíndo isso: Blhack!

Começa amanhã...

...uma temporada a ver, o verde água...

terça-feira, 15 de junho de 2010

Alguém me explica...

...como é que se deixa crescer o cabelo?! Eu sei que não o cortar ajuda, mas quando fica sem jeito nenhum o que é que se faz? Prende-se? Corta-se só um bocadinho? É que ainda por cima, não tenho o cabelo mais farto e forte do mundo, sendo que não é liso nem ondulado?

Photo @ Flickr by *ilovemuffins*

Eu sabia que não devia ter nascido gaja... foi um erro!

Little white lie

Ela - Então... e o que é que achas da Scarlett Johansson? (na sequência de uma reportagem que estava a dar na televisão);
Ele - 1º segundo de silêncio: processar informação;
Ele - 2º segundo de silêncio: imagem mental da referida pessoa;
Ele - 3º segundo de silêncio: tentativa (não conseguida) de disfarçar o sorriso provocado pela segunda imagem mental criada, sobre a mulher em causa;
Ele - (4 segundos depois, entre um encolher de ombros): Oh... é girita...

Photo @ Flickr by kobrapower

É incontornável...

...tenho mesmo que falar do jogo de hoje! Até porque toda a gente fala e eu não sou menos que ninguém (como se diz nesta terra que eu tanto estimo)!

Então vamos lá ao que realmente interessa:
- António Oliveira: mas que cabelo é este?!?! Mil vezes o bigodito à Quim Barreiros, do que este ar alucinado!

 Photo @ Jornal Record

- Nani, Nani, Nani... das duas uma: ou a loira que se vê nas imagens da chegada a Lisboa, lhe pegou a acefalia e o rapaz esqueceu-se que devia pôr o filtro antes de falar, e assim evitar que as pessoas tivessem pensamentos maldosos, que passam por achar que o menino fez xixi para o copo e que o resultado não foi o esperado, ou então... ou então... eu sei que há outra hipótese, mas agora não me lembro! Seja como for, bom esforço com a história do "vocês não percebem nada, o que eu queria dizer é que daqui a nada, já estou espiritualmente bem, e vou ficar à espera do Pai Natal"! Seja como for, é uma pena!


- Cristiano filho: não marcas há uma eternidade pela equipa de "todos nós", é verdade, mas daí a prometeres que vais explodir (o que logo a seguir à história do ketchup, me leva a pensar que há por aí, pensamentos sanguinários)... não é preciso tanto! Além do mais, já temos um potêncial terrorista islâmico cheio de estilo entre nós!! Ou estamos esquecidos do Abel "(o) Faisal" Xavier?!?

Photo @ caras.pt

- Eu acho uma pena o Drogba não jogar (ver imagem abaixo)...

 Photo @ allainjules.wordpress.com

E aqui está uma análise futebolística digna de um Rui Santos (ah... o que eu simpatizo com este pequenote cheio de caracóis)!

Agora mais a sério, era giro que Portugal conseguisse uma vitória, escusávamos de estar sempre a fazer contas de cabeça, o pessoal esquecia-se da falta de dinheiro e emprego... mas tendo em conta que me esqueci do meu cachecol da sorte em Coimbra, não sei como é que vai ser!

Aviso: qualquer pessoa que se aproxime de mim com uma filha da p#ta de uma corneta durante o jogo, leva com a dita pela goela abaixo!

E já está!

A intenção era deixar este post ontem, dia 14, mas como o génio artístico não deve ser apressado, é publicado agora que ainda vai muito a tempo!
A transformação foi feita: 
- graças à ajuda dos (afinal 4) leitores, o layout foi escolhido, e por isso muito obrigada!
- o header foi um presente, que ficou para lá de supimpa!... mas aparentemente está sujeito a alterações, graças à mania de perfeição de quem o fez... mas a ideia é mais ou menos a que está à vista... ou pelo menos é o que eu acho... já não digo nada!
- estava à espera de ter mais coisas para enumerar... mas foi só isto!

E porquê, porquê?!? 
(Está na hora de acabar com este suspense ridículo...)

Porque o ver(de)água fez 2 aninhos!! Não vou fazer aqui uma lista, em jeito de balanço, do quanto o blogue mudou a minha vida! Mudou bastante, é verdade! Agrada-me a ideia de ter um registo do que sou, para mostrar aos filhotes (provavelmente do Buick), ocupou-me as horas quando elas teimavam em não passar, acrescentou-me um nome - Guilhim - e trouxe gente bonita ao meu mundo!

Agora, em jeito de confissão: sabe-me bem ter este espaço, tal como me sabe bem saber que há quem, só porque sim* (?), passe por aqui e partilhe as minhas palermices!

* gostava mesmo de saber, o que leva o pessoal a aparecer por aqui...