terça-feira, 30 de dezembro de 2008

Chá em Madagáscar

Estou e sou fã de chá! Quente de Inverno para aquecer o corpo e a alma, frio no Verão para refrescar momentos mais acalorados, não há nada como parar para o saborear, de preferência em boa companhia!



Desde que fui ver o Madagáscar 2 com "novos velhos" amigos, que tenho aproveitado para trocar dois dedos de conversa ao sabor do chá!


that... was beautiful

Ficam as sugestões!

segunda-feira, 29 de dezembro de 2008

Feliz Natal e bom ano de 2009

Isto do Natal é quando um Homem quiser, certo? Então, não estou atrasada a desejar um feliz Natal, porque eu quero agora!


o meu presépio

Ainda não decidi se gosto ou não desta quadra. Em miúda adorava! A minha avó Ilda fazia anos no dia 25 de Dezembro e juntavam-se as duas festas e toda a família. Mas ultimamente não acho piada ao que acontece à volta do Natal... a obrigação de comprar prendas e sermos bonzinhos nestes dias dá-me mau feitio! Mas ainda assim, há momentos que são genuinamente bons quando temos perto de nós a Família e os Amigos! E disso eu gosto e por isso agradeço a todos os que me deram o 2008 mais feliz da minha vida!

Quanto a 2009, espero que seja fantástico... eu sei que é lugar comum, mas que possamos cumprir os nossos sonhos!

sexta-feira, 19 de dezembro de 2008

Nazaré



Quem me conhece sabe que tenho paixão pela Nazaré!
Não nasci lá, porque não calhou, mas é na Praia (não há outra assim, por isso a Praia é a Praia) que me sinto em casa. Todos os bocadinhos que tenho passo-os lá rodeada pela família (materna) e amigos. É lá que quero ter a minha casinha (se tudo correr bem já a partir de Janeiro).

Este filme foi feito, e parece-me a mim, muito bem feito, por uma portuguesa Cristiana Miranda, que conseguiu retratar bem a alma da terra e da gente. A música não me enche as medidas, mas até se ouve bem a acompanhar o filme.

quarta-feira, 17 de dezembro de 2008

Brincos

Gosto de brincos e gosto de fazer brincos, por isso...





terça-feira, 16 de dezembro de 2008

Mix



Este é o Mix (7 anos), o puro sangue rafeiro da minha mãe! Pode parecer, mas não é um cão, é uma força da Natureza, que se fôr preciso voa do segundo andar só para ir dar uma volta e esticar as pernas!

Temos que ter cuidado quando falamos ao pé dele porque há algumas palavras que desencadeiam nele comportamentos tempestuosos: saltos, corridas, ladradelas e o mais que se possa pensar!

Adormece em pé até cair para o lado (e depois acorda) e faz o ar mais infeliz do mundo para ganhar o lugar dele à frente da lareira!

Há pouco tempo safou-se de um acidente complicado e revelou-se o melhor paciente das enfermeiras amadoras que trataram dele, mas agora parece que voltou a ser apanhado por um bichinho ruim!

Eu sei que ele é um valente, mas não custa fazer torcer por ele com muita força!

terça-feira, 9 de dezembro de 2008

Sobre o amarelo e azul

Só hoje é que vi uma foto tirada nas Maldivas pelo Carlos Monteiro, que para além de grande buddy é um grande fotógrafo!


(a companheira de mergulho do Catas)

quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

Coisas novas

Já há muito tempo que não me dedicava à "produção" de coisinhas de enfeitar, mas esta semana fizeram-me um pedido para uns brincos vermelhos e como rapariga que se preze, quando foi às compras de material não resisti e comprei mais algumas peças que não estavam previstas...

Resultado: os brincos prometidos



e um colar inspirado nesta "conta"



e que depois deu nisto...

quarta-feira, 3 de dezembro de 2008

O pintas

Um dos momentos mais fantásticos, sureais e transcendentes da viagem que fiz, aconteceu no dia em que nos deparámos com os tubarões baleia. O maior peixe do mundo, que tem entre 12m - 20m. Transmitem uma calma e uma tranquilidade que me deixaram surpreendida.

Três companheiros - Ana, Susana e Pedro - desta e de outras viagens que escrevem no "Lesmas k Andam" deixaram um video de um dos tubarões que avistamos e acompanhámos durante algum tempo.

É fantástico rever este momento. Muito obrigada aos três pelo momentos proporcionados e por este vídeo.

terça-feira, 2 de dezembro de 2008

Pra rua me levar

Confesso que tenho este lado baladeiro lamecha!

Na segunda feira comprei o CD da Ana Carolina e do Seu Jorge (que gosto muito) ao vivo e lá pelo meio, entre outras, apareceu esta músiquinha, que tem uma letra à altura.



Não vou viver
Como alguém que só espera
Um novo amor
Há outras coisas
No caminho onde eu vou

Às vezes ando só
Trocando passos com a solidão
Momentos que são meus
E que não abro mão

Já sei olhar o rio por onde a vida passa
Sem me precipitar e nem perder hora
Escuto o silêncio que há em mim e basta
Outro tempo começou pra mim agora

Vou deixar a rua me levar
Ver a cidade se acender
A lua vai banhar esse lugar
E eu vou lembrar você

É, mas tenho ainda muita coisa pra arrumar
Promessas que me fiz e que ainda não cumpri
Palavras me aguardam o tempo exacto pra falar
Coisas minhas que talvez você nem queira ouvir


Todos temos um lado canastrão e este é o meu!