sábado, 25 de janeiro de 2014

Saúde 24



Pelos vistos os enfermeiros da linha Saúde 24 estão em pé de guerra com a empresa que administra o serviço. Não sei quem tem razão, confesso que não quero saber porque a verdade é que sempre fui atendida pelos enfermeiros e nunca por alguém da administração da empresa. E a verdade é que sempre que liguei é que fui sempre mmmmuuuuiiiittttttííííísssssssiiiiimmmmmmooooo bem atendida! E tenho para mim que eles já têm o meu número gravado e já tiram à sorte para ver quem me vai aturar! Principalmente agora com a pequena! Era porque tinha cólicas, era porque mamava muito, mamava pouco, porque estava fungosa, porque tem 37º, 37.5º... e fosse lá a que hora fosse a despedida passava sempre por um "não hesite em nos voltar a contactar se tiver alguma dúvida" (e eu não hesito)! Por isso, enfermeiros da Saúde 24, estou convosco!

quinta-feira, 23 de janeiro de 2014

Minh'alma 'tá parva!


Mudámos para a Zon. Estava contente porque finalmente ia poder ver o 24kitchen. Pois que ainda estou a recuperar... Assim que passe a vergonha alheia voltarei a dizer qualquer coisa a este respeito... ou então não!

terça-feira, 21 de janeiro de 2014

"Das verdades inconfessáveis" ou "Alguém me ajude se faz favor"



Aqui há uns 2 anos ofereceram-me um kit da Rituals, se não estou em erro, de sabonete líquido e creme para as mãos que, para além disso, trazia ainda uns pauzinhos de incenso e um pacote/saqueta com um chá. Não tive grandes dúvidas sobre o que fazer com o "lavante" e hidratante. Os paus de incenso já se devem ter esfumado mas e o chá?!... Se num primeiro momento me pareceu óbvio que era para beber, mal o pousei entre as saquetas do de camomila e do de menta fiquei na dúvida: "então e se isto não é para beber e é para pôr na água da maniqure ou do banho?" Vai de ler o invólucro e... nada! Diz que é chá! Desde esse momento até aos dias de hoje que a malfadada saqueta de chá (ainda por cima é só uma) tem alternado a estadia entre a cozinha e a casa de banho. Devo ser a única gaja do mundo que tem uma dúvida tão absurda quanto esta e pior, ainda não se decidiu a abrir a coisa para pôr um ponto final à novela. Mas a verdade é que tanto a ideia de beber um chá que é para fazer cenas zen na água do banho ou por um chá tranquilizante nas mãos me parece absurda... Dada a dimensão idiota da coisa não me estou a ver a ir a uma loja perguntar o que faço com o dito cujo. Além quer deixar umas luzes sobre este assunto?

sexta-feira, 17 de janeiro de 2014

Constatações



Nesta altura do campeonato voltasse à época da pré-maternidade sobravam-me duas coisas: tempo e membros!

- Que raio andava eu a fazer que não tinha tempo para nada e pouco fazia!
- Para que precisamos de dois braços quando 98% das coisas podem ser feitas com uma mão?

segunda-feira, 6 de janeiro de 2014

Interior decorator


Contratámos uma designer de interiores para fazer uma remodelação da sala... depois logo vemos se estendemos o trabalho da senhora ao resto da casa (palpita-me que sim...). Aí fica um foto da vaidosa com a sua proposta de tapete de sala outono-inverno 2014.



Parte do contrato implica que a alimentemos... mas é uma porreira e não come assim tanto por isso alinhámos.


Sugeriu-nos que seguíssemos a tradição e desmontássemos a árvore de Natal. Verdade seja dita, que este ano não vai custar nada!


É assim que estamos.

quarta-feira, 1 de janeiro de 2014

'Bora lá pessoal!


Este foi o primeiro ano em que não fiz balanços nem formulei desejos. Não foi uma opção consciente, mas quando dei conta da excepção não fiz nada para que a coisa fosse diferente. Na realidade ainda estou a precisar de uns dias para me preparar para os próximos 365 dias. Ainda assim, não havia muito a pedir! Tenho tudo e não mudava nada!
Por isso que venha 2014, de preferência de mansinho e com pausas para respirar!

A todos os que aqui passam desejo que tenham um 2014 assim p'ró porreirinho!