quinta-feira, 15 de março de 2018

Como organizar a vida com um caderno em branco



Este ano para além da tradicional agenda tive como presente um bullet journal dado pela minha irmã que, por ser mais velha, sabe muitas coisas da vida que são muito úteis (#quemtemumamanatemtudo). Tinha uma ideia mmmmmuuuuiiiittttttooooo vaga do que era uma bullet journal… para ser bem sincera, não tenho a certeza que a minha ideia de um bullet journal seja 100% correcta apesar de ter feito alguma pesquisa, nomeadamente até no site do fulano que em teoria o terá idealizado mas como a premissa é a de ter mais um caderno e eu sou viciada em cadernos, pareceu-me bem.


Então e o que é um bullet journal? É o filho de uma agenda, com um diário, com um mood board, calendário, bucket list, scketchbook e tudo mais que sirva para organizar a vida. Isto posto assim parece caótico e no início é de facto caótico, dá algum trabalho e leva muito tempo a preparar, porque, basicamente o caderno está em branco, mas se tivermos isso em mente, que é um work in progress, a coisa faz mais sentido. No início parece uma empreitada grande porque está tudo por fazer, mas, para quem precisar de apoio, há mil tutoriais, layouts, sugestões de estrutura que podem ser encontradas facilmente, por exemplo no pinterest. Ou então, encara a coisa como uma metáfora da vida e assume o comando, sozinha à sua maneira e medida.


O que no início me meteu medo é o que agora me dá muito gozo: o poder de ser eu a organizar o conteúdo. Mantenho a minha agenda, porque acho que o meu bullet journal ainda não está na estrutura perfeita (não sei se algum dia lá irei chegar) mas tenho-me divertido a pensar naquilo que eu preciso mesmo para me manter organizada no dia-a-dia. O facto de sermos nós a tratar do layout funciona para mim como um mecanismo de relaxamento porque me ponho a tentar desenhar bonequinhos e letras… apesar do aspecto miserável com que as páginas ficam, a verdade é que enquanto o estou a fazer não estou a pensar em mais nada e, nos dias que correm, isso é coisa que vale ouro!!


No meu caso, organizei o meu BJ em várias categorias que me permitem controlar objectivos que estabeleci no início do ano: fazer exercício físico, comer bem, avaliar diariamente as dores nas articulações, medicação e valores das análises, marcação de consultas de toda a gente, coisas que preciso de comprar para as miúdas, projectos que gostávamos de fazer em casa and soion and soion


Gosto particularmente dos esquemas diários em que rapidamente podemos perceber se estamos a fazer o que nos propusemos ou se nos estamos a baldar grandemente. E é tipo um amigo que tenho sempre à disposição para as horas vagas (credo que a minha vida é tão chata!).


Se são o tipo de pessoas que, como eu, têm uma agenda, um caderno para o trabalho 1, um caderno para o trabalho 2, um caderno para aquilo que querem registar de ideias e cenas mais ou menos esotéricas e ainda mil apps para registar listas de to do’s, controlo de exercício físico, a quantidade de água que bebem, o mundo, vá!, então dêem uma espreitadela porque é capaz de ser fixe!


Fica a dica!

(Analog girl… é uma coisa que me parece a tua cara (tendo em conta aquele exercício de início de ano que costumas fazer) e, se eu tivesse o teu jeito para desenho e pintura, fazia disto vida: desenhar, ou ensinar a desenhar em bullet journals… pessoas como eu iram ficar muito agradecidas.)

5 comentários:

  1. Confesso que gostava mesmo de ser assim super organizada =)
    Beijinhos,
    http://chicana.blogs.sapo.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu não sou superorganizada!! Gosto é muito de cadernos e tenho de ter uma desculpa para os comprar!! ;)

      Eliminar
  2. Opá já tentei e não consigo.... ando a precisar tanto de me organizar...! 😩

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não digas não consigo... vai tentando até descobrires a melhor solução para ti!

      Eliminar

Aviso à navegação: como sou eu que mando neste estaminé, quando não gostar dos comentários não os vou publicar. Temos pena mas é a vidinha. Todos os outros comentários são bem-vindos!