segunda-feira, 11 de maio de 2015

Depois dos palavrões, um post que usa a expressão "rêgo do rabo". Isto está bonito...

Credits

Ver as notícias ensina-nos muitas coisa - política, desporto, português duvidoso (dependendo do canal) - a mim ensinaram-me que estou a usar mal o meu biquini (sim... já temos aqui um cheirinho a silly season: as temperaturas subiram três graus. Aí está um bom motivo de notícia). Bem sei que nos últimos dois anos a minha frequência de praia ficou muito aquém do que eu gostaria ou precisava e talvez, por ter de garantir que a miúda não comia metade da areia da praia, não tenha prestado a atenção devida aos modelitos à minha volta. Mas então o que estou eu a fazer de errado? É simples enquanto que os meus biquinis tapam as nádegas (dependendo do grau de elastano já que a superfície a cobrir não é pequena) os biquinis que agora se veem tapam uma tira, melhor dizendo, uma espécie de triângulo alongado, da base das costas e o interior do rego do rabo. Não tenho nada contra o fio dental e muito menos contra a exposição de nádegas!! O que me está a atormentar o espírito é o porquê de tapar a base das costas?! O que é que há de tão escandaloso acima da região do sacro? Já estive a espreitar e, no meu caso, para além das estrias (que sim, merecem ser tapadas) não vejo por lá mais nada que seja ofensivo... Eu, a bem da saúde mental daqueles que passarem por mim (e da minha também), vou continuar a manter as minhas carnes longe dos olhares alheios e juro que ainda vou desvendar este mistério!

2 comentários:

  1. Ele há modas que não se entendem, pois prefiro mil vezes um bikini que me tape o mega-rabo-que-só-eu-vejo do que qualquer coisa que não me queime as costas... Vá-se lá entender...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas é que é só uma tira das costas... mas eu desenvolvi uma teoria entretanto... Será para proteger aquelas tatuagens duvidosas que se fazem ao fundo das costas?!...

      Eliminar

Aviso à navegação: como sou eu que mando neste estaminé, quando não gostar dos comentários não os vou publicar. Temos pena mas é a vidinha. Todos os outros comentários são bem-vindos!