sábado, 2 de março de 2013

É que gastam o nome à terra


Não vou para a rua por causa da cachopa apesar de sentir que devia ir, essencialmente, por ela. Sou mariquinhas, bem sei, mas é neste momento o meu bem mais precioso e não a quero colocar em risco. Vejo as notícias para perceber o que se está e vai passar e o que me entristece é perceber que, pelo menos, para os jornalistas o que realmente importa é quem, quando e onde se vai cantar o "Grândola Vila Morena". Quer-me parecer que há qualquer coisa mais nesta manifestação para além de um mega casting para os Ídolos, ou da procura de bater mais um record do Guiness...

Sem comentários:

Enviar um comentário

Aviso à navegação: como sou eu que mando neste estaminé, quando não gostar dos comentários não os vou publicar. Temos pena mas é a vidinha. Todos os outros comentários são bem-vindos!