quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

I'm having a love affair...


...mas sinto que não lhe estou a dar a atenção que o meu novo amor merece. É coisa recente... Terá um mesito... se tanto. A verdade é que o tipo nunca fez o meu género, mas este é diferente. Mal lhe pus a vista em cima agarrei-me a ele e agora, sempre que posso, é o que faço: agarro-me, abraço-me a ele! O meu robe! Felpudinho, quentinho, fofinho! Não vejo a hora de chegar a casa e de me embrulhar nele! O mais curioso disto tudo é que a última vez que usei tal peça, corria o ano de 1987... minto, 1989 e pelas fotografias de Natal, não podia estar mais contrariada. Sempre achei (até há um mês) que era uma coisa de velhos. Mas agora... 
E é isto. Queria agradecer à Oioshosho... Ioshoyo... coise (nunca atino como raio do nome da loja), por ter mudado a minha vida!

4 comentários:

  1. Eu também não era fã e achava que era coisa de velhos até que a mamã ofereceu há dois natais atrás um roxinho (cor favorita) e assim para o peludinho como descreves o teu, com capuz para ainda ser mais "nice".
    Agora não o largo ;P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A ideia do capuz faz-me inveja! Todas as noites acordo com as orelhas geladas... já para não falar do nariz! Mas para isso não há solução!

      Eliminar
  2. O que eu gosto de robes, de me sentir quentinha e fofinha - apesar de continuar a não gostar muito de pijamas lolol mas pronto, essa loja é uma autêntica perdição :P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim! Ir à loja só em doses moderadas e planeadas com antecedência! Caso contrário é a desgraça!

      Eliminar

Aviso à navegação: como sou eu que mando neste estaminé, quando não gostar dos comentários não os vou publicar. Temos pena mas é a vidinha. Todos os outros comentários são bem-vindos!