sábado, 20 de outubro de 2012

Ainda não percebi o que o cú tem a ver com as calças...


...ou neste caso, o que é que as mamas têm a ver com a manifestação. Já sei que a notícia é velha, mas sou uma rapariga limitada e que, em tendo a cabeça ocupada com trabalho, pouco sobra para reflexões sociorevolucionárias. Ainda assim, desde que me apercebi que uma moça resolveu num acto de contestação (?) desnudar o busto generoso que, nas horas livres, procuro significados mais ou menos metafóricos para perceber o gesto e... não chego lá! Apesar da minha condição de mulher muito pouco abonada... ou neste caso, "abustada" e nesse sentido, ter alguma dificuldade em me relacionar com a cachopa, procurei reviver esse momento e perceber o que me levaria a adoptar uma atitude semelhante e, nada! Não me surgiu nenhuma possibilidade minimamente remota!! Só a presença de um gafanhoto ou bicho igualmente repugnante no sutiã me levaria a tal acção e mesmo assim, mas facilmente o esborracharia contra o peito. Assim sendo, as únicas hipóteses a explorar são de a rapariga estar a entrar na menopausa precoce e naquele momento ter sofrido um afrontamento (se assim for, sinto que é meu dever sugerir uns suplementos de soja que fizeram maravilhas com a minha mãe) ou - tal como a outra que deu um abraço ao polícia num mui fotogénico perfil a 3/4 - a camarada foi contratada pelo sindicato dos polícias para animar/consolar as tropas.

2 comentários:

  1. Deve ter sido isso... há coisas realmente que não consigo alcançar.

    ResponderEliminar
  2. Mais uma que conseguiu o que queria...aparecer!!! Foi notícia em todos os telejornais e agora deve sentir-se a famosa lá do bairro....

    ResponderEliminar

Aviso à navegação: como sou eu que mando neste estaminé, quando não gostar dos comentários não os vou publicar. Temos pena mas é a vidinha. Todos os outros comentários são bem-vindos!