sábado, 26 de novembro de 2011

Consequências domésticas de um derby

Imagem daqui

Como é sobejamente reconhecido, sou Benfiquista. A Briosa também tem um cantinho no meu coração, mas tem como irmã mais velha o meu benfiquismo e sou feliz assim. Quis o destino, que o Homem da minha vida, de entre estas duas excelentes escolhas futebolísticas, não optasse por nenhuma... É lagarto... convenhamos que podia ser pior, mas... é lagarto... No que diz respeito ao futebol, sabe desde o primeiro encontro - devidamente interrompido durante os 90 minutos de um Paços de Ferreira - Benfica - duas coisas: 

1ª NUNCA, mas NUNCA mesmo, falar de futebol com o meu pai... caso contrário mais do que perdermos a sua benção, de eu ser deserdada e dos nossos filhos perderem o direito de envergar o nome de família, perderíamos também os quilos de fruta e outros miminhos providenciados por papai e que sabem tão bem;

2ª Sempre que o Sporting ganhe ao Benfica, ele dorme no sofá!

Parece-me simples e razoável... e verdade seja dita, não corro grandes riscos de não o ao meu lado... mesmo nas noites de derby!

2 comentários:

  1. Até isso temos em comum... Dois amores! O imenso Glorioso e a fantástica Briosa :) o mais complicado é quando se enfrentam... ... :(

    ResponderEliminar
  2. Nem me digas nada... Gosto que a briosa ganhe... mas a única situação em que isso não é vantajoso é contra o nosso Benfas!! Agora, pode dar 3-0 ao Porto dia sim dia não que não me chateia nada!

    ResponderEliminar

Aviso à navegação: como sou eu que mando neste estaminé, quando não gostar dos comentários não os vou publicar. Temos pena mas é a vidinha. Todos os outros comentários são bem-vindos!