domingo, 9 de janeiro de 2011

Concluo, quase ao fim de uma semana sem deixar notícias...

...que a minha vida deixou de ter interesse! Assim do género de sabática de acontecimentos! É triste mas é verdade! Ainda o ano tem meia dúzia de dias e já espelha as três centenas que me esperam. Por isso, a vocês os quatro que passam por cá, não anseiem por nada de novo ou interessante... muito menos divertido... enquanto a barrinha ali no canto superior direito estiver em contagem decrescente, a piquena vai andar com o coração apertado, a cabeça a mil, insónias noite sim, noite sim e cheia de dúvidas existenciais daquelas a sério! Se alguém quiser ajudar, basta indicar qual o melhor objecto cortante para seccionar as veias e artérias que se alojam nos pulsos... Sinto-me um cócó, porque sei que o que estou a fazer é um trabalho cócó e não me parece que a coisa vá mudar tão cedo! Tenham lá paciência!

Photo @ Flickr by KristinB

Como veêm, nada de bom e positivo se espera, até que eu consiga viver com a facto de que vou ser desancada publicamente, no dia da defesa da tese...e o pior é que até acho que mereço!

8 comentários:

  1. Parou...respira bem fundo...isso não é nada ....a vida é muito mais que isso...até porque...já sei que no dia vais enrolar um cantinho da saia e vai, como sempre, correr muito bem...e já agora quero saber a data para ir apoiar e festejar...beijos gandis principalmente do principe (sempre são mais fofinhos)

    Rita

    ResponderEliminar
  2. Oh minha linda! Era mesmo isso! Um abracinho um abanão e cá vai disto! Obrigada!

    (o abracinho do prínce é um presente precioso!! vou guardar!)

    Beijo grande
    Gosto de ti!

    ResponderEliminar
  3. Aqui no Brail, em situações como essa costumamos dizer assim: "Força na peruca!"

    Bem normal essas situações, esse sentimento que nos toma tantas e tantas vezes e, por isso, as unicas certezas que temos em realção a ele é que: vai passar e vai voltar. Respira fundo e aguenta firme...

    Força na peruca!

    ResponderEliminar
  4. "Força na peruca" anima logo uma pessoa... ou pelo menos deixa um sorriso!

    Obrigada pelo incentivo! Já está tudo a caminhar para a normalidade!

    Beijinho!

    ResponderEliminar
  5. Pipoca,

    Primeiro: ninguém te vai tratar mal, porque quem tiver essa infeliz ideia vai ter que se ver comigo logo imediatamente;
    Segundo: tu não és um cocó. És sempre cheirosa e linda;
    Terceiro: tu não fazes nada que seja um cocó (quer dizer, tirando o próprio do dito cujo... e ainda bem... que faz mal não fazer) porque se tu és tão especial tu tens de só fazer coisas especiais. E eu é que sei.
    Final: Gosto de ti e nem por sombras te quero ver assim, porque, se não, nem sei em que ombro vou chorar quando me sentir um cocó a fazer uma tese de cocó.

    Pronto. Acho que será o comentário blogosférico em que mais se terá usado a palavra cocó. Mais que em todos os da Cocó, se calhar.
    Enfim... estamos a ver se fazemos um doutoramento... isso diz muito de nós. Ou... não!

    Beijos de quem gosta de ti daqui até ao infinito e mais além. É isso.

    ResponderEliminar
  6. Princesa R.: obrigada pelos miminhos!! Mas há uma diferença grande entre as duas: tu és uma pessoa aplicada e trabalhadora e eu sou um bicho preguiça do pior!! Mas vá, tem que ser tem que ser!!

    Beijinhos e torce por mim!

    ResponderEliminar
  7. Ahahahaha ... eu sou muito mais preguiçosa, acredita! Eu, por mim, dormia a sesta todos os dias, pastelava no sofá todas as noites ou, em alternativa, conversava com amigos por uns sítios e por outros :)

    P.S. Onde foi parar o meu comentário?

    ResponderEliminar
  8. Olá Bom dia!
    Só para te dizer que tenho muito orgulho em ti, e quando chegar o dia, tenho a certeza de que irás arrasar!!
    Mas também te chamo cócó se até lá, não acreditares em mim!
    Virtual Kiss, virtual kiss!
    ;)

    ResponderEliminar

Aviso à navegação: como sou eu que mando neste estaminé, quando não gostar dos comentários não os vou publicar. Temos pena mas é a vidinha. Todos os outros comentários são bem-vindos!