segunda-feira, 22 de março de 2010

Orgulho

Sala dos Capelos: 1 - lugar do candidato; 2 - lugar do júri (literalmente, meio metro acima do candidato e normalmente numa proporção de 6 para 1); 3 - presidente do júri (meio metro acima do candidato, sentado numa cadeira que mais parece um trono); 4 - lugar do secretário (para além do papel e caneta há um despertador que toca ao final dos 20 minutos); 5 - público (normalmente nervoso e cheio de vontade de dar uma carga de porrada ao júri e destruir a porcaria do despertador);*

O "nosso" menino dos ossos do ofício, termina hoje uma etapa académica e de vida e não há como conter o nosso orgulho! Nada neste processo é simples ou pacífico, mas a recta final é sem dúvida a que mais intimida: porque é posto à prova um trabalho de muitos anos, porque há sempre quem fique contente com as fragilidades das outras pessoas, porque a sala é gigantesca e forrada a figuras reais, porque está tudo vestido à zorro (de capa e chapeu, mesmo!) porque o ângulo de visão do comum dos mortais são o dos pés do júri!

Sei que vai tudo correr bem e que a nossa admiração pelo V. não vai ser maior porque já não tem por onde crescer!

* Acho que vou já começar a tomar cházinho de valeriana para quando chegar a minha vez...

Sem comentários:

Enviar um comentário

Aviso à navegação: como sou eu que mando neste estaminé, quando não gostar dos comentários não os vou publicar. Temos pena mas é a vidinha. Todos os outros comentários são bem-vindos!