sábado, 21 de novembro de 2009

Quando a cabeça...

...não tem juízo,
Quando te esforças mais do que é preciso,
O corpo é que paga!
Deixa-o pagar, deixa-o pagar,
Se tu estás a gostar!


photo by Krypto @ flickr

Ora como é que se acaba um dia que começa às 5h45 da matina? Às 5h45 do dia seguinte, completamente estoirada, rota e contentinha da vida!

Do começo: ao romper da bela aurora (que é como quem diz às 6h00), já estava a piquena, fresca e fofa na estação para apanhar o comboio. Doze horas depois, já estava num outro combio, em direcção oposta à inicial. Com a cabeça cheia de informação, matadas ao de leve saudades de caras que já não se viam há muito tempo e com o sono em falta a moer o corpo, chega-se ao burgo. Depois de tratados alguns afazeres para o dia seguinte, vai de fazer um brinde ao homem mais invejado do Sobral Cid: o nosso menino tésico, deixou de o ser e está a horas de defender (brilhantemente e nunca menos que isso) o trabalho excepcional dos últimos anos.


photo by Krypto @ flickr

Da mesma forma que conversa puxa conversa, copo puxa copo e em menos de nada, os planos de uma noite descansada a dormir perdem-se algures entre o Monte Velho e o Beirão. Quando dei por mim, estava a dançar como se a sobrevivência do mundo depende-se disso! Os pés já gritavam, mas nem por isso o corpo parava! Só quando o despertador voltou a tocar - já ia a caminho de casa - é que percebi que estava há 24h a sirandar, e não fossem as plataformas da locomoção, quererem a independência do resto corpo e era a mulher mais que feliz da noite, pela companhia e pela partilha da felicidade!



photo by Krypto @ flickr

Sem ter percebido muito bem onde é que acabou o ontem e começou o hoje, lá comecei eu a preparar a casa-ovo para receber os meus sobrinhos emprestados. Os mais lindos deste reino! A tarde inteira, foi passada a ver aquelas pessoas pequeninas, a encherem-me a casa de uma paz e energia que contagiam e fazem pensar...

Agora é o verdadeiro descanso da guerreira!

5 comentários:

  1. Andas com uma pedalada...
    No meio dessa agitação toda sobra meia hora para um café com a je esta semana, oh kika eléctrica :)?!Beijinhos e saudadinhas!

    ResponderEliminar
  2. Foi bom estarmos juntas...eu e o ZP adorámos....prometo que vamos repetir...e a tarte????divinal....obrigada....beijos

    ResponderEliminar
  3. R.: andava com pedalada... agora tenho que deixar as baterias a carregar uns tempinhos... os 18 aninhos já lá vão há 10! Mas sim, um café contigo ia ser fantástico!

    Rita: adorei ter-te a ti e ao miúdo mais giro (e forte... julguei mesmo que ele ia levantar o sofá!!) do mundo lá em casa! Ele é lindo! Temos que combinar mais vezes!
    Ah! e ainda não larguei a mala que me deste! É fantástica!!! Tão fantástica que um dia destes ainda dá para um post!

    Beijinhos às duas!

    ResponderEliminar
  4. O "homem mais invejado da Sobral Cid" agradece as palavrinhas (exageradas, mas pronto) da "mulher mais assediada dessa noite" lol :*

    ResponderEliminar
  5. Pois... não fosses tu e o Vasco e estava tramada... mas para a próxima temos que combinar quem faz de namorado e quem faz de irmão... dizer que são os dois namorados não é lá muito convincente! :S

    Beijinhos, parabéns (publicamente) e aproveita a liberdade!

    ResponderEliminar

Aviso à navegação: como sou eu que mando neste estaminé, quando não gostar dos comentários não os vou publicar. Temos pena mas é a vidinha. Todos os outros comentários são bem-vindos!