quinta-feira, 5 de julho de 2012

Preciso de uma faca romba para cortar os pulsos com um sofrimento semelhante ao que a televisão me está a provocar neste momento


A SIC radical parece ser um dos únicos canais que à noite não passa novelas, séries com mais anos c'a Mari'Castanha ou programas apresentáveis pelos Malatos desta vida. Não desce a esse nível do popularucho porque é, lá está, radical. Creio que é também esse o motivo que leva as meninas que apresentam os directos dos festivais de verão a ostentarem, sem aparente constrangimento, penteados e maquilhagens dignos de um Cirque du Solei versão B. Havendo uma ou outra com uma postura profissional (é apenas justo dizê-lo) há também as outras - que as há - que se fossem filhas da minha mãe, já estavam a marchar para a cama com duas palmadas bem dadas no rabo tal é a arrogância, ignorância e a falta de respeito porque quem estão a entrevistar sob o pretexto de ter uma atitude radical... ou, digo eu, radicalmente estúpida*.

Relendo as minhas palavras deduzo que estou a ficar velha e rabugenta (e que o dia de ontem e de hoje ainda estão a fazer estrago no meu espírito) e por isso vou continuar com o meu crochet e fazer mais um granny square. 

* Uma acabou de dar saltinhos de contentamento enquanto dizia "Ah pois é! A menina estudou!" porque conseguiu que um dos seus entrevistados não respondeu a uma das 98942 que lhe fez o que lhe deu a oportunidade para brilhar.

3 comentários:

  1. Hoje não estou a ver, mas se forem as mesmas que fizeram o Rock in Rio há uns tempos, já sei com o que é que podemos contar... Uma nulidade.

    A Patrocínio a dizer no fim do concerto dos Maroon5 que «antes do concerto não dava nada por eles mas que depois ficou convencida com o vocalista»... e ainda remata dizendo ao contrário o nome de uma música deles!! Depois uma outra (Inês qualquer coisa) que passava a vida a dizer «na minha óptica» (expressão que me irrita a menos que ela seja efectivamente proprietária de um desses estabelecimentos)... Por fim, a Vanessa Oliveira a dizer que o Stevie Wonder esteve em coma por causa de um grande «incidente»... a sério... poupem-nos!!

    ResponderEliminar
  2. Nao cortes os pulsos. Os jovens hoje em dia estão assim a usar a estupidez a torto e a direito. Tenho uma irma com 24 anos que anda assim...e eu quase nos 40 ja nao sei que lhe faça. Deve ser da idade, mas eu nao me lembro de ser assim na idade dela, desde os 17 que luto sozinha por mim.
    beijinho e bom dia

    ResponderEliminar

Aviso à navegação: como sou eu que mando neste estaminé, quando não gostar dos comentários não os vou publicar. Temos pena mas é a vidinha. Todos os outros comentários são bem-vindos!